A sociedade não vive sem telemóvel

by - abril 18, 2016








Eu tenho vinte anos e a tecnologia assusta-me.
Ou melhor, não é tecnologia que me assusta, mas sim a forma que as pessoas estão a usar a tecnologia.
Quando eu e os meus amigos vamos ao café farto-me de os chatear para largarem os telemóveis, mas eles não conseguem. Há alturas em que estamos seis pessoas numa mesa do café e eu sou a única que estou a olhar para eles - todos com a cabeça virada para baixo a olharem para o telemóvel. Isto assusta-me.
Pior que isso são os casais que estão constantemente agarrados ao telemóvel quando estão juntos. Sempre que eu e o Peanut vamos a algum lado - por exemplo, a um café - e ele começa a agarrar no telemóvel eu passo-me. Até que ele me diz: "Calma, é só para te mostrar uma coisa."
Odeio que ele me deixe sozinha para ir à casa de banho por saber que vou agarrar no telemóvel porque fico desconfortável sempre que estou sozinha e por não saber para onde olhar agarro-me ao telemóvel - o que ultimamente não tenho feito.
Gostava que as pessoas não precisassem de estar constantemente a olhar para o telemóvel quando estão com amigos e/ou família.

You May Also Like

4 comentários

  1. Percebo bem o que dizes, ainda sou do tempo em que as crianças brincavam na rua e em que tínhamos brinquedos e não tablets .

    ResponderEliminar
  2. Está muito entranhado nas pessoas o hábito. Até conheci um juiz que o levava para os julgamentos.

    ResponderEliminar
  3. Já me mandei ao ar com familiares onde eu era convidado, que passaram o jantar agarrados ao telemóvel.
    Não vou instituir medidas drásticas cá em casa, porque a minha casa não é uma ditadura, mas eu não atendo telefones (móveis ou fixos) na hora das refeições. E passo-me quando "ela" larga o jantar a meio para atender uma chamada de colegas a pedir informações.
    Digo logo "isto parece uma filial da empresa...".

    ResponderEliminar
  4. Faz este desafio com os teus amigos quando voltares a sair com eles: o primeiro a mexer no telemóvel paga a conta 8D

    Beijinho*

    ResponderEliminar