Claro que não adoro...

by - fevereiro 07, 2016



Adoro como o meu pai mete a Poodle a dormir.
Anda atrás dela a bater com os pés no chão e a dizer "Vai para a cama. Vai para a cama!". Claro que ela não vai porque porque provavelmente o que ela ouve é "Bla bla bla." e anda sempre a fugir.
Todas as noites é a mesma merda. A minha mãe vai para a cama mais cedo e por isso, normalmente é o me pai que a mete na cama.
Lá tenho eu de sair do meu quarto, agarrar nela (porque ela vem a correr para as minhas pernas), e metê-la na cama.
Adoro que o meu pai pense que ela é uma criança e que percebe português. É preciso ensiná-la a entender o significado das coisas! Não é a bater com os pés no chão que isso vai acontecer!
Irritante...
E depois não se pode dizer nada porque o senhor é que sabe e o senhor é que tem razão e ninguém pode desmentir o senhor.

p.s.: É preciso metê-la na cama porque, como ainda é bebé e para não fazer xixi e cocó em todo o lado, deixamo-la na casa-de-banho com um coiso de platex a tapar o caminho.

You May Also Like

15 comentários

  1. É mesmo pequenina ainda! Pois, tem de se ter paciência para eles aprenderem as ordens!
    THE PINK ELEPHANT SHOE | FACEBOOK | INSTAGRAM |

    ResponderEliminar
  2. ele um dia há de perceber que o seu método não está a resultar :o
    r: Muito obrigada pelos parabéns linda! :D

    ResponderEliminar
  3. Falar com os cães é normal... olha com o meu cão se lhe dissermos "vai para casa!" ou "Vai para a casota!" Ele vai. Foi algo a que provavelmente de habituou quando era bebe. Beijinhos.

    ResponderEliminar
  4. Esta publicação fez-me lembrar os meus gatos ahaha :))

    ResponderEliminar
  5. Ter um animal de estimação não é fácil, ainda para mais quando são várias pessoas a tentar educar de diferentes formas, mas com o tempo ela se habitua.

    ResponderEliminar
  6. Os meus pais têm um yorkshire terrier de seis meses que é uma das coisas mais queridas de sempre! Mas uma coisa é certa, o meu pai tem 0 de autoridade ao que diz respeito a ir deitá-lo. Como não fala com clareza o cachorro pensa que é brincadeira e acaba sempre a ser a minha mãe a ir pô-lo na casota. Mas, ainda assim, já está bastante bem treinado e até a mim me obedece no que diz respeito a ir deitar-se na cama dele ou quando fez algo "errado", mesmo só estando dias inteiros comigo 1 ou 2x por mês. Ainda no fim-de-semana fiquei eu e o meu namorado sozinhos com ele. Fez tudo aquilo a que já está habituado e, ao contrário do que eu estava à espera, quando lhe disse que estava na hora de ficar na cama dele porque nos íamos deitar nem sequer ganiu. Ficou lá deitadinho e quando os meus pais chegaram, já de madrugada, nem sequer abriu os olhos! É tudo uma questão de treino e de clareza nas instruções. Pode ser que o teu pai ainda aprenda como lidar melhor com a cadela :)

    ResponderEliminar
  7. mas podes já começar a ensinar-lhe o que é a cama. assim, já começa a perceber que ao dizeres "cama", é para ir para a cama. :) mas eu entendo a tua irritação. a minha gata habituou-se a miar à noite para ir comer porque, sempre que ela miava, o meu pai ia. e claro que ela se ia habituar! e ele agora irrita-se porque "ela está sempre a miar à noite". ora... se ele não for, ela acaba por se desabituar, também. mas ele diz que não tem paciência para ficar a ouvi-la. ok... -.-

    r: és demais, sys ahahaha e depois queriam-me entregar cartas, entregavam em que parte do parque, que é tão grande? :p

    ResponderEliminar
  8. Bater o pé não é a melhor maneira de ensinar uma cachorra. Isso deve amedrontá-la. Eles reagem melhor ao prémio do que ao castigo. Um biscoito faz milagres que nenhum bater de pés consegue. :/

    ResponderEliminar
  9. tenho uma identica, o nome dela é Alba, é linda...

    ResponderEliminar
  10. tenho uma identica, o nome dela é Alba, é linda...

    ResponderEliminar